Escola Profissional Bento de Jesus Caraça – Como funcionamos

Uma escola de formação profissional, como a Escola Profissional Bento de Jesus Caraça (EPBJC), alarga o espectro de opções de ensino disponíveis para todos os alunos. Daí a sua importância.

Hoje, queremos dar-te a conhecer o nosso modo de funcionamento, bem como a oferta formativa que podemos ter para ti.

Sabe mais sobre a nossa escola profissional

 

Quem somos?

A EPBJC surgiu em 1990, fruto de um protocolo entre o Ministério da Educação e a Confederação Geral dos Trabalhadores Portugueses – Intersindical Nacional (CGTP-IN), promotora da escola.

Assim, seguimos os seus ideais, bem como os de Bento de Jesus Caraça – matemático, professor e patrono da escola – relacionados com a inclusão e a importância da diversidade de respostas de formação.

A forma como criamos e organizamos a nossa oferta baseia-se na defesa de que todas as modalidades de ensino têm igual importância.

A oferta é definida anualmente e de acordo com as prioridades indicadas pela tutela tendo em conta, por exemplo, a taxa de empregabilidade dos cursos.

Procuramos proporcionar um ensino profissional de qualidade, com experiências de trabalho enriquecedoras e de valor, para que os alunos se possam integrar na vida socioeconómica do país.

Mais do que isso, fruto do nosso projeto educativo, serão também cidadãos conscientes e ativos.

 

As nossas Escolas Profissionais

Dada a nossa intenção de contribuir para um ensino disponível para todos, as nossas escolas estão espalhadas por vários pontos do país.

São instituições seguras e humanizadas, onde existe uma grande proximidade entre todos os elementos da comunidade escolar.

A nossa Estrutura

Todos os elementos que constituem a nossa estrutura contribuem para proporcionar um ambiente familiar e são fundamentais para assegurar condições que contribuem para o bom funcionamento da escola.

Afinal, só trabalhando em conjunto é possível alcançar objetivos.

 

Diretores

Os serviços de Direção (Geral, Pedagógica e de Delegações) são responsáveis por inúmeras atividades relacionadas com a gestão administrativa da escola e de todas as delegações.

Constroem o Projeto Educativo, divulgam o seu desenvolvimento e coordenam os processos e atividades pedagógicas formativas, entre outras funções.

Além disso, trabalham no sentido de melhorar a eficiência do sistema de ensino, recorrendo ao Observatório de Qualidade, cujo objetivo passa por estabelecer metas a alcançar e analisá-las.

 

Corpo Docente

Contamos com um grupo extenso de professores muito experientes, na sua maioria, profissionalizados.

Mais – temos também muitos formadores, profissionais de excelência no mercado de trabalho, para disciplinas de áreas técnicas.

Todo o corpo docente tem um papel primordial no processo educativo, uma vez que procuram desenvolver-se profissionalmente, por forma a melhorar métodos que se adequem aos alunos.

 

Profissionais Não Docentes

Além do papel importante na realização de tarefas administrativas e pedagógicas, os profissionais não docentes são fundamentais no acompanhamento e integração dos alunos na comunidade escolar, contribuindo para resolver problemas e promover um bom ambiente.

Representam, por isso, um papel essencial para a boa imagem e prestígio da EPBJC.

 

Serviços de Psicologia e Orientação

Toda a equipa especializada de psicólogos presente nas várias delegações tem como objetivo acompanhar o percurso escolar dos alunos, através de múltiplas formas:

  • Apoio durante o percurso escolar;
  • Identificação e desenvolvimento de aptidões;
  • Orientação na criação do percurso profissional;
  • Desenvolvimento da identidade pessoal;
  • Estimulação da relação entre o aluno, a escola e a família.

 

 

Qual é o nosso Modelo Pedagógico?

Como escola profissional, um dos pilares do nosso processo educativo é a criação de profissionais competentes, capazes de corresponder positivamente às necessidades do mercado.

É um modelo de aprendizagem cooperativo, não só pela Formação em Contexto de Trabalho, mas também pelo envolvimento de outros elementos da comunidade escolar e dos Encarregados de Educação. Afinal, defendemos que todos têm um papel importante no percurso formativo, embora o aluno seja o principal agente da sua aprendizagem.

Ainda assim, além do desenvolvimento profissional, procuramos também contribuir para o crescimento pessoal do aluno.

Desta forma, é encarado como um todo, com a sua personalidade e respetivo percurso e contexto.

O ritmo de cada aluno é respeitado e, graças ao Plano Individual de Trabalho, que representa um tempo de estudo autónomo, em alguns momentos o processo de aprendizagem é individualizado.

O que é que isto representa?

No fundo, significa que o nosso modelo pedagógico procura responder de forma adequada à diversidade dos alunos, incentivando a que trabalhem tanto de forma cooperativa como individualmente.

Além do mais, os professores constroem os Guias de Aprendizagem, pois na nossa Escola não existem Manuais Escolares, que permitem que seja feita uma gestão curricular baseada nas especificidades de cada grupo de alunos.

Na EPBJC procuramos também contribuir para que os alunos se tornem cidadãos socialmente conscientes, informados e responsáveis, capazes de intervir nos vários domínios da vida em sociedade.

Assim, as questões relacionadas com a educação para a cidadania apresentam um papel importante no programa formativo, nomeadamente através da discussão de temas relevantes e atuais.

 

O teu Sucesso é o nosso Sucesso!

O nosso principal objetivo enquanto escola de formação profissional é que consigas alcançar as metas que ambicionas, seja ingressar no mercado de trabalho, no ensino superior ou até em ambos.

Quando o consegues, estás a ajudar-nos também a atingir o sucesso. Prova disso são os indicadores de percentagens elevadas: 95% de taxa de conclusão de formação, 73% de empregabilidade e 95% de nível de satisfação das entidades empregadoras (médias nacionais).

 

Sabe mais sobre a nossa escola profissional